Dra. Mariana Maldonado - Ginecologia, Homeopatia, Terapia Sexual

Sexo e Ansiedade

Será que a ansiedade é capaz de atrapalhar na hora do sexo?

Acredito que a maioria de vocês já ouviu falar ou mesmo percebeu que a ansiedade pode ser uma grande inimiga em momentos importantes da vida… Aquela prova que você tinha que fazer, mas não conseguiu passar porque “deu branco” na hora de responder; o emprego que você perdeu porque ficou tão nervosa ao ser entrevistada que não conseguia nem falar de tanto tremer; aquela mulher que você sempre sonhou em ir para a cama e na hora H você na consegue a ereção ou goza muito rápido; o homem que você tanto ama e deseja, mas não consegue transar porque sente muita dor. Essas situações parecem familiares?

Sem dúvida, para muita gente é isso mesmo que acontece. Se a ansiedade pode atrapalhar na hora do sexo? Ah… Como pode!

Sexo e ansiedade são duas coisas que definitivamente não combinam. Mas antes de entrar nessa questão especifica, pense comigo: como você fica quando faz coisas simples, corriqueiras, que relaxam? Tipo uma atividade física, um passeio com a família, ver televisão ou sair com os amigos? Você fica muito ansioso ou consegue curtir e relaxar?

Esse é um detalhe importante. Ter um determinado grau de ansiedade em algumas situações é mais do que normal, mas aquelas pessoas ansiosas ao extremo, que não conseguem relaxar nem nos momentos mais íntimos, podem ter dificuldades em outras áreas da vida e olha que eu não estou nem falando de sexo ainda. Falo daqueles momentos  só nossos, pra cuidar da gente sabe? Ir ao salão cuidar da unhas, do cabelo, do corpo… Ler um livro, meditar, ir a academia, ao shopping para comprar alguma coisa que se gostou, passear no parque, na praia, caminhar, tomar uma água de coco, sair com os amigos… Ou qualquer outra coisa que faça bem para o corpo e para a mente e ajude a “desligar o botão” dos problemas e do mundo lá fora, nem que seja pelo menos por alguns minutos…

Se vocês soubessem o quanto isso é importante… Ter a nossa válvula de escape das tensões e do estresse do dia-a-dia é fundamental para não trazer toda essa ansiedade para a cama. Ela é uma causa importante de problemas sexuais como a ejaculação precoce e dificuldades de ereção nos homens, assim como as dores na hora da penetração e dificuldades de alcançar o orgasmo nas mulheres. Se esse é um momento para se curtir, relaxar e se entregar aos prazeres das descobertas a dois, como conseguir alcançar o orgasmo se você só consegue pensar nas coisas que terá que fazer no dia seguinte, no filho que está quase reprovado na escola ou na reforma da casa que fará depois que chegar o décimo terceiro?? Assim vai ficar difícil!

Se você se identificou com tudo isso que escrevi, está na hora de se mexer e procurar ajuda. Nada de medo, vergonha ou preconceito. A ansiedade extrema é uma doença e como tal, deverá ser diagnosticada e corretamente tratada para alcançar a cura. Pode acreditar, porque ela virá! É só dar o primeiro passo!

Mariana Maldonado
Mariana Maldonado é médica especialista em Ginecologia, Obstetrícia e Sexologia Clinica, além de Pós Graduada em Homeopatia e com Certificado de Atuação na Área de Sexologia em Ginecologia e Obstetricia pela FEBRASGO. Dedica sua carreira à ajudar mulheres de todas as idades nos cuidados com a saúde nas diferentes etapas da vida!
  • ironildes santos gordiano

    Muito boa essa dica sobre a ansiedade, pois eu sou muito ansiosa e isso me deixa fraca em todos os sentidos… Parabéns!

  • Maria Pereira Vieira

    Sem dúvida, a ansiedade atrapalha e muito a nossa vida, pois vivenciei esse problema, mas já estou fazendo um tratamento, faço acupuntura, já me sinto mais calma.
    Leio muito também a respeito do assunto, isso tém me ajudado muito.
    Gostei muito desse espaço, é bastante esclarecedor.Conto com mais novidades.
    Obrigada pelos esclarecimentos.

  • cintia da silva

    Dra desculpa pelo meu comentário sincero, mas eu não sinto orgasmos. Gostaria de saber porque. Será qie tenho algum problema? Devo procurar um médico? Obrigada!

  • Dra. Mariana Maldonado

    Olá Cintia,
    Uma das principais causas para isso é a ansiedade, sabia? A falta de conhecimento do corpo e de informações sobre como funciona a nossa resposta sexual também influenciam. Converse com seu ginecologista, ok?

  • vanda patricia

    Gostei muito desses comentários pois sou muito ansiosa e isso às vezes atrapalha um pouco. Talvez depois de ler esse texto a ansiedade passe… Obrigada e uma boa tarde!

  • maria de lourdes

    Amigas, acho que posso ajudar com o minha história! Fui criada com muita obediência, crenças e isso atrapalhou meu desenvolvimento como mulher. Sentia falta de ar e demorava a controlar, corria no psiquiatra e acho até que ele sabia, mas quem tem que descobrir é a gente! Procurei uma nutricionista amiga e contei que não me conhecia, que não sabia nem o que era libido. Chorei de vergonha assim que comecei a falar… ela me ensinou a pesquisar, meditar, fazer yoga e me curei! A gente fica tão feliz quando descobre algo, que se sente uma adolescente! É tão bom que dá até medo…mas um medo bom! Beijos!

  • chris

    Olá Dra. Mariana Maldonado! Estou com meu marido há muitos anos e na hora H não consigo sentir nada, só com sexo oral e de vez em quando. Por que?

  • Dra. Mariana Maldonado

    Provavelmente por que você fica ansiosa para conseguir aquela “coisa a mais” e aí, Chris, é que ela não acontece mesmo! Para se chegar ao orgasmo é preciso estar com a mente livre de pensamentos e preocupações, só curtindo o momento, ok?

Outros artigos sobre Sexualidade

Palavra de mulher

Este livro surgiu do amor entre mãe e filha que compartilham alegrias e tristezas do cotidiano. Os 43 capítulos apresentam depoimentos que sintetizam as vozes de muitas mulheres ouvidas nos consultórios, nos trabalhos de grupo e nas palestras realizadas por Maria Tereza (psicóloga) e Mariana (médica ginecologista), junto com comentários e informações sobre os temas abordados.Saiba mais.

Marque uma consulta

Para marcar uma consulta, ligue para 21 2287-2311 / 3681-3040 / 99896-2554 ou preencha os campos abaixo. Em breve, entraremos em contato para confirmar a disponibilidade do dia e horário desejados.

Obrigatório

Obrigatório Email inválido

Telefone obrigatório Telefone inválido

Endereço

Av. N. S Copacabana 1072 sala 705, Copacabana
Rio de Janeiro - RJ
CEP 22060-002

Telefone

21 2287-2311 | 3681-3040 | 99896-2554

Email

dra.mariana@marianamaldonado.com.br